segunda-feira, 27 de abril de 2009

Para ouvir e refletir...

video

DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL

ROBERT LYNND, IRLÂNDES, NOS DISSE UMA VEZ...:

"NO QUE MAIS SE DIFERENCIAM OS PÁSSAROS DO SER HUMANO É NA SUA CAPACIDADE DE CONSTRUIR, MAS DEIXANDO A PAISAGEM COMO ESTAVA."

"VOEMOS"...LIVRES... O MAIS ALTO QUE PUDERMOS, MAS PRESERVANDO A HARMONIA DA NATUREZA.

PROF. SILMA
silma@compuland.com.br

domingo, 26 de abril de 2009

A importância das frutas na alimentação (Profª Silma repassou)

COMER FRUTAS COM O ESTÔMAGO VAZIO

Excelente dica !!!!


SÓ COMER FRUTAS COM O ESTÔMAGO VAZIO


MEDICINA PREVENTIVA / ORTOMOLECULAR / NUTROLOGIA

APRENDA MAIS UMA !

Fruta é o mais perfeito alimento, gasta uma quantidade mínima de energia para ser digerida e dá ao seu corpo o máximo em retorno.

O único alimento que faz seu cérebro trabalhar é glicose.

A fruta e principalmente frutose (que pode ser transformada com facilidade em
glicose), é na maioria das vezes 90-95 % de água. Isso significa que ela está limpando e alimentando ao mesmo tempo.

O único problema com as frutas é que a maioria das pessoas não sabe como comê-las de forma a permitir que o corpo use efetivamente seus nutrientes.


Deve-se comer frutas sempre com o estomago vazio . Por que?? A razão é que as frutas não são, em princípio, digeridas no estomago: são digeridas no intestino delgado.

As frutas passam rapidamente pelo estomago, dali indo para o intestino, onde liberam seus açúcares. Mas se houver carne, batatas ou amidos no estomago, as frutas ficam presas lá e começam a fermentar.

Você já comeu alguma fruta de sobremesa, após uma lauta refeição, e passou o resto da noite arrotando aquele desconfortável sabor restante? É porque você não a comeu da maneira adequada.
Deve-se comer frutas sempre com o estomago vazio.

A melhor espécie de fruta é a fresca ou o suco feito na hora.

Você não deve beber suco de lata ou do recipiente de vidro. Por que não? A maioria das vezes o suco foi aquecido no processo de vedação e sua estrutura tornou-se ácida .

Quer fazer a mais valiosa compra que possa? Compre uma centrífuga.

Você pode ingerir o suco extraído na centrífuga como se fosse a fruta, com o estomago vazio. E o suco é digerido tão depressa que você pode comer uma refeição quinze ou vinte minutos mais tarde.

O dr. William Castillo, chefe da famosa clínica cardiológica Framington, de Massachusetts, declarou que fruta é o melhor alimento que podemos comer para nos proteger contra doenças do coração.

Disse que as frutas contêm bioflavonóides, que evitam que o sangue se espesse e obstrua as artérias. Também fortalecem os vasos capilares, e vasos capilares fracos quase sempre provocam sangramentos internos e ataques cardíacos.


Agora, uma coisa final que gostaria que mantivesse em sua mente sobre frutas.

Como se deve começar o dia?

O que se deve comer no café da manhã?

Você acha que é uma boa idéia pular da cama e encher seu sistema com um grande monte de alimentos (principalmente café e o pão branco com manteiga ), que levará o dia inteiro para digerir? Claro que não.

O que você quer é alguma coisa que seja fácil de digerir, frutas que o corpo pode usar de imediato, e que ajuda a limpar o corpo.

Quando levantar-se, e durante o dia, o quanto for confortavelmente possível , coma só frutas frescas e sucos feitos na hora.

Mantenha esse esquema até pelo menos o meio-dia, diariamente.

Quanto mais tempo ficar só com frutas em seu corpo, maior oportunidade de ele limpar-se .

Se você começar a se afastar dos outros ''lixos'' com que costuma encher seu corpo no começo do dia, sentirá uma nova torrente de vitalidade e energia, tão intensa que você mal acreditará.

Tente durante os próximos dez dias e veja por si mesmo.

Repassando

** Os chineses e os japoneses bebem chá quente (de preferencia chá verde) durante as refeições. Nunca água gelada ou bebidas geladas.
Deveríamos adotar este hábito!

** Líquidos gelados durante e após as refeições solidificam os componentes oleosos dos alimentos, retardando a digestão. Reagem com os ácidos digestivos e serão absorvidos pelo intestino mais depressa do que os alimentos sólidos, demarcando o intestino e endurecendo as gorduras, que permanecerão por mais tempo no intestino.
Daí o valor de um chá morno ou até água morna depois de uma refeição. Facilita a digestão e amolece as gorduras para serem expelidas mais rapidamente, o que também ajuda no emagrecimento.

sábado, 25 de abril de 2009

Casa da Cidadania Planetária

Casa da Cidadania Planetária

O Instituto Paulo Freire quer contribuir com a formação de cidadãos(ãs) com consciência e ação planetária, buscando refletir sobre como, em nossos espaços, se materializam as relações econômicas, políticas, culturais, étnicas, raciais e de gênero, resultantes das transformações pelas quais passa o mundo globalizado na perspectiva capitalista. Além disso, também sobre as conseqüências que essas materializações trazem para a sobrevivência do planeta em que vivemos.

Nesse sentido, vem atuando como um centro de referência da Carta da Terra, com ação local e global, desenvolvendo em sua sede central projetos que contribuem para manter vivo o Movimento pela Carta da Terra, dando suporte a todas as iniciativas para as quais é demandado e sugerindo outras. Seus projetos prevêem ações de intervenção em diferentes níveis:

  • Organizações governamentais: secretarias (Educação, Meio Ambiente) municipais e estaduais, divisões diretivas de ensino, escolas municipais e estaduais.
  • Organizações não-governamentais, movimentos sociais e populares, igrejas, Organizações de Base Comunitária (OCB), representações classistas: Sindicatos, ordens e conselhos regionais, rede do ensino privado (fundamental, médio e superior), comunidades indígenas.

Entre os principais objetivos do Movimento pela Carta da Terra do Instituto Paulo Freire, estão os seguintes:

  • Incorporar nos processos educacionais formais e não-formais valores e princípios da Carta da Terra para que ela seja vivenciada cotidianamente pelos(as) cidadãos(ãs) do planeta.
  • Contribuir para a elaboração sistematizada da ecopedagogia em espaços educacionais formais e não-formais como pedagogia apropriada à iniciativa da Carta da Terra.
  • Construir uma Rede pela Carta da Terra entre as instituições envolvidas visando à troca de experiências, ao intercâmbio permanente entre as pessoas que compartilham processos afins, mantendo vivo o Movimento pela Carta da Terra.
  • Dar oportunidade às pessoas de comprometerem-se pessoal e coletivamente com a cultura da sustentabilidade e da paz oferecendo oportunidades de experienciar/vivenciar os princípios da Carta da Terra.

A Casa da Cidadania Planetária desenvolve estudos e pesquisas e oferece cursos, minicursos e oficinas pedagógicas de formação inicial e educação continuada, além de assessoria para implantação de projetos que promovem a construção de uma cultura da paz e da sustentabilidade.

Além disso, promove e participa de espaços plurais de reflexão, análise, proposição e ações de intervenção para a construção de “um outro mundo possível”.

Coordenadora:

Salete Camba - salete@paulofreire.org


Do blog Planeta Sustentável(O War do Greenpeace)

(

O bom e velho jogo de tabuleiro conhecido pela disputa por territórios e ataque aos outros países com exércitos por terra, água ou ar (no caso do War 2) ganhou uma versão ambientalista – e pacífica!

Trata-se do WeAtheR (em alusão às mudanças climáticas), do Greenpeace, que além de ter personagens bem mais simpáticos do que as tradicionais pecinhas achatadas, contém um mapa-múndi formado por imagens de animais.

Os ativistas do jogo têm por objetivo resolver as crises ambientais do mundo em, no máximo, 16 rodadas. Mas, em vez de competir para ver quem salva o planeta primeiro, os jogadores devem se unir e trabalhar de maneira colaborativa.

Juntos, os participantes (dois ou quatro) escolhem um território de base para começarem a atuar e têm dois minutos para discutir as primeiras táticas. O jogo começa com seis crises ambientais crônicas – isso sem falar nas crises pontuais que também aparecem durante as rodadas. Cartas de ação a cada nova jogada dão aos integrantes os recursos necessários para cumprir sua missão.

E já que, no final, ou todo mundo ganha, ou todos perdem a partida, divertido mesmo é criar estratégias e curtir o processo de melhorar o planeta – nem que seja virtualmente...

O jogo tem versão online e em tabuleiro.

Consciência Ambiental e atitude. (Do blog Viver Bem com o Ambiente)

Consciência Ambiental e atitude.

Muito se fala a respeito de consciência ambiental, mas o que é realmente isso ? Compromisso em não jogar papel na rua ? Depositar seu lixo corretamente no local adequado ? Separar no seu lixo, o lixo orgânico dos materiais que se prestam a reciclagem ?

Acho que deveria ir muito além do que se fala, quem questiona qual a destinação final do "lixo" ? Quantos crimes ambientais são cometidos diariamente, sem que ao menos tenhamos consciência deles ?

Tratemos o "lixo", como resíduo, e como tal deveríamos analisá-lo. A essa altura deve estar me considerando louco para pedir que analise seu "lixo"... Mas tudo tem uma explicação, se não racional, pelo menos o mais próximo disso. Quando saímos às compras, procuramos os produtos pela sua marca, seu preço ou pela qualidade dos produtos, não é isso ? Mas o nosso "lixo", nem damos a devida importância. Pois é, mas vamos ver, as latas de alumínio podem ir para a reciclagem, assim como o papel, papelão e o plástico... Mas quantas pessoas você conhece que fazem isso... Honestamente, quantas pessoas do seu círculo de amizades faz isso ? E depois o louco sou eu... Bem, brincadeiras a parte, se você conhece alguém que faz isso, me apresente, quero dar os parabéns pessoalmente... Se todas as pessoas fizessem isso, acho que o mundo seria um lugar melhor... Imagine a receita que um grande condomínio poderia ter com a venda desses materiais... A economia dos condôminos seria uma causa louvável, além do que, o Meio Ambiente agradece.

As pessoas que possuem automóvel, nem imaginam que são cúmplices, ou melhor dizendo, são coniventes com um crime contra o meio ambiente, calma, eu explico... Ninguém em sâ consciência vai ficar espiando as instalações do local onde troca o óleo de motor de seu automóvel, não é mesmo ? Mas deveríamos, pois se o óleo lubrificante usado for destinado para a galeria de águas pluviais, fatalmente irá cair em alguma lagoa, rio, riacho ou córrego próximo e junto com o óleo, irão os metais pesados que estão nele, sim, metais pesados, como o cádmio, zinco, chumbo... Afinal sabemos que o motor sofre um desgaste natural e ele é concebido com ligas dos mais diversos metais... E esses metais vão para o óleo e o óleo para algum curso d'água, e para você saber, estudos comprovam que um litro de água é capaz de contaminar um milhão, isso mesmo, um milhão de litros de água... Quando seria necessário somente antes do descarte, não na galeria de águas pluviais, mas na rede de esgoto, o posto de troca, ter um separador de água e óleo... Está vendo ? Toda loucura pode ser explicada... E o "lixo" ? Ao longo do tempo vamos "conversar" mais a respeito do "lixo", ok ? Até a próxima...

Do Blog Viver Bem com o Ambiente

Mudança de hábito.

Ultimamente tenho lido muito a respeito de mudanças de hábitos de consumo para diminuirmos os impactos que causamos ao ambiente... Pois é, e um dos que eu mais leio diz respeito às lâmpadas fluorescentes, que são mais econômicas... E realmente o são, economia que se justifica pelo baixo consumo e pela economia que elas causam, e dos seus efeitos indiretos, menor consumo, menor poluição ou impacto, pois menor quantidade de energia será utilizada, perfeito... Ou quase... Quando essas lâmpadas "queimam", o que o consumidor faz ? Alguns destinam essas lâmpadas no lixo comum... Outros, tem o cuidado de bater os pinos no chão para evitar que as mesmas estourem quando forem transportadas... Bonito... Acontece que destinar essas lâmpadas no lixo comum ou mesmo todo esse "cuidado", acaba por liberar uma quantidade razoável de mercúrio no ambiente... Ou seja, todo o cuidado para não causar impacto ao ambiente pelo consumo excessivo de energia vai por água abaixo quando destinamos quantidades razoáveis de metais pesados no ambiente... Mas nem tudo está perdido, já existem firmas que reciclam esse tipo de material, reaproveitando os gases presentes nessas lâmpadas... Procurem se informar se na sua região existe alguma dessas firmas... Os consumidores que tenham uma quantidade razoável dessas lâmpadas queimadas devem procurar a destinação correta... Fique de olho, e verifique se em sua empresa não estão sendo destinadas essas lâmpadas no lixo comum...

Emilio Masuda
Biólogo, Professor de Biologia e especialista em Gestão e Planejamento Ambiental

sexta-feira, 24 de abril de 2009

No dia da Terra (O filme)

A biodiversidade extraordinária do nosso mundo é analisada no filme "Terra", o primeiro de uma série de documentários sobre a natureza dos estúdios Disney. A produção filmada ao longo de três anos reúne belas imagens dos quatro cantos do planeta.

Além de fazer um retrato da beleza natural da fauna e flora, o filme também alerta sobre os perigos do aquecimento global e dá algumas dicas para que o mundo possa continuar comemorando o dia da Terra por muitos e muitos anos.

(Do noticiário da Band)

Do glossário do Planeta Sustentável (ÁGUA)

Água

Recurso natural que cobre 77% da superfície do planeta, sendo apenas 2,5% doce. Segundo a Organização das Nações Unidas (ONU), mais de 1 bilhão de pessoas não têm acesso adequado à água. Embora seja suficiente para todos, há a dificuldade de distribuição, pois a população mundial não pára de crescer e a ação humana vem alterando drasticamente o sistema hídrico. O desmatamento e a impermeabilização do solo nos centros urbanos, por exemplo, quebram o ciclo natural de reposição da água, secando rios centenários.

Do Blog do Ciep Paschoal (308) sobre o ENEM

Enem exigirá do aluno capacidade de relacionar temas.

Uma mesma pergunta poderá incluir história e geografia.
Todas as questões serão de contextualização e situações-problema.

O novo Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), que deverá substituir o vestibular de parte das universidades federais a partir deste ano, exigirá dos estudantes conhecimento, raciocínio e, principalmente, capacidade de relacionar temas para chegar à resposta correta. Uma mesma pergunta poderá incluir, ao mesmo tempo, temas de história e geografia, de biologia e química ou de literatura e compreensão de linguagem.


Exemplos de questões preparadas para a reportagem pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (Inep) mostram que o novo Enem será não apenas mais longo mas bem mais complexo. “No Enem atual, o aluno não precisa, por exemplo, saber ciências. Uma pessoa que lê bastante pode ter um bom resultado”, explica o presidente do Inep, Reynaldo Fernandes. “O novo exige mais conhecimento de conteúdo.”

Lógica

O exame concentrava suas questões em interpretação de textos e linguagens e lógica, sem contar com perguntas de ciências, história e geografia. Já os vestibulares cobrem todas as áreas, mas tendem a se concentrar em perguntas com respostas muito específicas.

Um exemplo, retirado da Fuvest de 2008, é uma questão que, após um pequeno texto, pergunta a qual movimento ele se referia: liberalismo, feudalismo, mercantilismo, escravismo ou corporativismo. “Esse tipo de questão não cairá no novo Enem. Serão todas de contextualização e situações-problema”, diz Reynaldo. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

Fim da taxa dos vestibulares para alunos da rede pública

Do Blog do CIEP 308 PASCHOAL CARLOS MAGNO (UM BLOG AMIGO)

Senado aprova fim de taxa dos vestibulares das federais para alunos da rede pública.

A Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) do Senado aprovou nesta quarta-feira (22) um projeto de lei que acaba com a cobrança de taxa de inscrição nos vestibulares das universidades públicas federais. A matéria é terminativa na comissão e será encaminhada para análise na Câmara dos Deputados.

Segundo a proposta, a cobrança fica proibida para "candidatos que tenham cursado integralmente o ensino médio em escolas públicas ou cuja renda familiar não exceda dois salários mínimos".

O texto não estabelece, contudo, como os candidatos vão provar sua condição na hora de se inscrever para o vestibular. As regras deverão ser definidas pelas próprias instituições. Mas há uma expectativa de que, por serem instituições federais, o próprio Ministério da Educação estabeleça uma regra única sobre o tema.

Atualmente, os candidatos podem entrar com um pedido de isenção da taxa de inscrição nos vestibulares. A definição sobre a concessão ou não do benefício fica a cargo das instituições de ensino.

O projeto pretende abrir espaço para que os candidatos que não tenham o pedido de isenção aceito pelas universidades possam entrar na Justiça e fazer o vestibular sem pagar.

Fonte: vestibular.uol.com.br


Planeta Sustentável (Glossário)

Acidificação das águas

Aumento do índice de CO2 absorvido pelas águas como conseqüência da produção desenfreada do gás de efeito estufa. Hoje os oceanos absorvem uma quantidade de CO2 dez vezes maior do que há 100 anos.

Aerossóis

Amontoado de partículas sólidas, transportadas pelo ar e que permanecem na atmosfera durante várias horas. Sua origem pode ser natural ou antropogênica e influenciam o clima tanto direta quanto indiretamente. Na primeira, essas partículas ficam dispersas no ar e absorvem a radiação solar; e na segunda, agem como um núcleo de condensação para a formação de nuvens ou modificando a suas propriedades ópticas e de duração.


Agenda 21

Concebida durante a Rio-92 com a colaboração de 179 países, a Agenda 21 objetiva o desenvolvimento sustentável, priorizando o meio ambiente. O documento brasileiro foi elaborado com base na conservação ambiental, justiça social e crescimento econômico do país.

quarta-feira, 22 de abril de 2009

Matéria do site da SEEDUC

Blog ajuda escola a cuidar do planeta

Por Fatima Rocha

Fotos: Marcia Costa

Hoje, dia 22 de abril, comemora-se o Dia do Planeta Terra. Celebrada desde 1970 - quando o então estudante de Harvard e futuro senador norte-americano, Gaylord Nelson, organizou eventos para discutir projetos de preservação do meio ambiente – a data foi criada para conscientizar a população do mundo inteiro sobre os problemas que cercam o tema.

Para os quase mil alunos do Colégio Estadual Hercília Henriques Moret, em Correas, a mobilização começou a tomar conta da escola desde fevereiro, no início do ano letivo. A diretora Luciene Maria Marins de Oliveira, explica que, através de uma avaliação feita com os alunos sobre as expectativas de cada um para o ano letivo de 2009, os professores entenderam que eles gostariam de trabalhar com um projeto que fosse além do programa dado em sala de aula.

- Os docentes sempre trabalharam seus conteúdos de forma individual, mas quando nos reunimos para buscar uma solução que atendesse esse interesse dos alunos, surgiu a ideia de colocarmos os temas meio ambiente e cidadania de uma forma interdisciplinar. Todos aceitaram com entusiasmo esse desafio.

Para resolver qualquer problema no compartilhamento de conteúdos e acompanhar o projeto, foi criado o blog Cidadania Planetária, para que todos os professores possam postar o material trabalhado pelos alunos em sala de aula, mostrando o resultado e fazendo sugestões. Tudo fica registrado através de textos, imagens, jogos e vídeos.

O professor de língua portuguesa, Sylvio Luiz da Costa Filho, conta que o blog foi criado há apenas dois meses e já tem mais de 100 postagens. Entre elas, de docentes do Amazonas que vêm colaborando com dados novos sobre aquela região do país.

- A troca permanente de informações é muito importante. Os alunos colocam seus textos e conclusões, geram novos assuntos e compartilham com a família tudo que estão produzindo no colégio.

A professora de sociologia, Patrícia Henriques Mafra, contou que os seus alunos estão fazendo um trabalho em grupo a partir de um vídeo – sobre a história das coisas - que foi apresentado em sala de aula.

- Eles formaram grupos e terão duas semanas para identificar problemas ecológicos apresentados no filme, apontar suas causas e apresentar soluções que serão mostrados através de maquetes.

Já para a professora de inglês, Regina Helena Lustosa, o melhor caminho é estudar textos que tenham a ver com o tema e que são colocados no blog.

- Eles se interessam muito pela tradução. As letras de músicas também podem ser bem trabalhadas.

O conceito de reaproveitamento do lixo também é uma das preocupações dos educadores. O professor de geografia, Márcio Magalhães, quer mostrar que antes da reciclagem,os detritos podem produzir energia.

- Vamos desenvolver projetos como aquecedor solar, lâmpada e biodigestor, utilizando garrafas pet, caixas de leite, entre outros elementos. Com isso, trataremos conhecimentos de física, matemática e biologia.

O professor de Matemática, Ricardo Luiz Duarte Senra, optou pela estatística para trabalhar o conteúdo do programa. Ele apresenta dados relacionados com situações vividas pelos alunos nas regiões onde vivem e trabalham com a comparação e evolução desses números.

- Assim, o estudante é motivado por um objetivo. É preciso mostrar que a matemática pode ajudar a perceber e a resolver muitos dos nossos problemas do dia a dia.

Para o aluno Jason Douglas Costa Esteves, 3º. do Ensino Médio, a conscientização que os docentes estão tentando passar para eles é muito importante. Ele conta que está trabalhando os textos que podem ajudá-lo no vestibular que já está bem próximo.

- Achei muito interessante usar o blog como meio de comunicação entre nós e os professores. Nele, eu encontro muitas idéias para as redações – diz o jovem que pretende cursar a faculdade de engenharia mecânica.

Vinicius de Aguiar Corrêa, também aluno do mesmo ano, pretende se formar em ciências da computação e também considera o blog um meio eficiente, já que todos os jovens acessam a internet.

- Ficamos interessados em saber o que está acontecendo e acabamos entrando lá todos os dias.

No final do mês de junho, haverá uma apresentação interna dos trabalhos desenvolvidos nesse semestre, e, em novembro, o colégio pretende fazer uma grande exposição para os pais e toda a comunidade.

Para conhecer e compartilhar desse projeto, acesse o endereço http://cidplan.blogspot.com